1. Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil

  2. 27
Home / Notícias / SÃO PAULO

Facesp apresenta Plano de Fortalecimento da rede de Associações Comerciais

Plano vai oferecer condições econômicas e estruturais para que as Associações Comerciais menores possam crescer e se desenvolver

18 de dezembro de 2019 - 12:37

A Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp) dará início ao Plano de Fortalecimento (Pfor) da rede. O Pfor começará a ser aplicado a partir de 2020. Uma prévia do programa foi apresentada aos vice-presidentes das Regiões Administrativas (RAs) da Facesp, durante reunião realizada na segunda-feira (16/02), em São Paulo.

O Plano vai oferecer condições econômicas e estruturais para que as Associações Comerciais menores possam crescer e se desenvolver, a partir de dois eixos de atuação: melhoria no desempenho dos serviços oferecidos pela AC, por meio da rede Facesp, e a defesa institucional dos interesses dos empreendedores locais.

“A ideia que deu origem ao Plano tem algumas premissas básicas”, adiantou o presidente da Facesp, Alfredo Cotait Neto. “Primeiramente, este projeto de fortalecimento vai ajudar as associações pequenas, aquelas que tenham potencial e gestão para se desenvolver. Segundo, vai motivar a AC grande e; terceiro, faremos com que os gestores e os presidentes se integrem ao papel e aos objetivos da Facesp”, detalhou.

Cotait destaca que todos os objetivos do Plano “vão convergir na missão principal da Facesp, para qual ela foi criada: o fortalecimento do associativismo”. “Somente seremos fortes, se tivermos unidos e engajados”, afirmou o presidente da Facesp.

O Pfor está sendo elaborado pelo superintendente-geral da Facesp, Natanael Miranda dos Anjos. Nesta fase inicial, um grupo de quatro VPs (João Carlos Cheade – RA 19 Franca; Francisco Carlos Júlio Pinghera – RA 11 Ribeirão Preto; Antonio Carlos Parise – RA 14 São José do Rio Preto; e Ricardo Anderson Ribeiro RA 17 Presidente Prudente) foi formado para acompanhar a formalização do projeto, em conjunto com o superintendente.

Duzentas e quarenta e quatro ACs, de um total de 420 entidades, são consideradas pequenas e, assim, poderão ser diretamente beneficiadas.

Convenções e contrapartidas

As ACs atendidas pelo Pfor estão distribuídas em todo o Estado. Cinco macrorregiões foram criadas. A primeira etapa de implantação prevê a realização de convenções, uma em cada macrorregião.

“As convenções contarão com palestras e ações de fomento e estímulo ao desenvolvimento das ACs, especialmente, as de pequeno porte. Também daremos ênfase aos produtos e aos serviços da rede Facesp e a parte institucional”, adiantou Natanael.

Para fazer parte do Plano, contrapartidas serão exigidas, como o preenchimento da ferramenta de gestão PDO (Programa de Desenvolvimento Organizacional); estar adimplente com a Facesp e com a Boa Vista SCPC, e utilizar serviços da Boa Vista SCPC.

O Plano de Fortalecimento da Rede Facesp será apresentado por completo no começo do próximo ano.

Link do vídeo do presidente da Facesp, Alfredo Cotait Neto, detalhando o Pfor: https://youtu.be/sYH4pNdtKOE

Mais fotos da reunião dos vice-presidentes: https://bit.ly/2EzUajP

Fonte: Facesp

Tags

Deixe seu comentário

Imprensa CACB - Jornalistas Responsáveis

  • Erick Arruda
    erick.arruda@cacb.org.br
  • E-mail geral da imprensa: imprensa@cacb.org.br
    Contato: (61) 3321 1311