CACB

  1. Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil

  2. 27
Home / Notícias / Conjuntura

Preocupada com o País, CACB pede “reformas já”

O recuo de 3,6% do PIB aponta para a maior recessão da história

07 de março de 2017 - 13:09

O presidente da CACB, George Pinheiro, acredita que chegou a hora de implementar as reformas que o País necessita e que, agora, diante do recuo de mais um ano do PIB, elas ganham um caráter de “urgência urgentíssima”. O anúncio de que o PIB recuou 3,6% em 2016 pelo segundo ano consecutivo (em 2015 foi de 3,8%) mergulhou o País na maior recessão de sua  história, superando os anos 30. Este fato “nos conduz a uma situação preocupante e muito séria: pela primeira vez, desde 1996, todos os setores da economia registraram taxas negativas”, enfatiza Pinheiro.

A CACB não tem dúvidas de que chegou o momento de dar uma guinada e buscar as saídas. “Elas estão nas reformas necessárias” lembra Pinheiro, enfatizando que a entidade está incentivando todos as federações a promoverem, em seus Estados, debates sobre as reformas necessárias. “O exemplo da Facesp e ACPA, na discussão das reformas nesta semana, é um bom começo para participarmos deste processo ajudando, através da conscientização, a conquista da mudanças essenciais para a retomada do crescimento”.

Assessoria de Imprensa CACB

Tags

Deixe seu comentário

Imprensa CACB - Jornalistas Responsáveis

  • Erick Arruda
    erick.arruda@cacb.org.br
  • E-mail geral da imprensa: imprensa@cacb.org.br
    Contato: (61) 3321 1311