1. Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil

  2. 27
Home / Nacional / FACIAP

Juiz Sérgio Moro destaca papel do empresário no combate à corrupção

31 de outubro de 2016 - 16:04
O juiz Sérgio Moro na 9º Reunião do Conselho de Administração da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná (Faciap)

O juiz Sérgio Moro na 9º Reunião do Conselho de Administração da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná (Faciap) – Foto: Guilherme Artigas

O juiz Sérgio Moro disse que os empresários estão menos tolerantes e mais ativos contra a corrupção porque perceberam não só o problema moral, mas os custos que isso traz para o desenvolvimento do País. A afirmação foi feita na palestra de Moro durante a 9º Reunião do Conselho de Administração da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná (Faciap), nesta segunda-feira (31), no auditório da Ocepar, em Curitiba. “Quem não conhece um empresário que se recusou a participar de uma licitação pública porque acreditava que era um jogo de cartas marcadas, por achar que teria de pagar propina”, disse ele.

Presidente da Facisc, João Rech, presidente da Faciap, Guido Bresolin Junior, presidente da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil, George Pinheiro, e presidente da Federasul, Simone Leite. - Foto: Guilherme Artigas

Presidente da Facisc, João Rech, presidente da Faciap, Guido Bresolin Junior, presidente da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil, George Pinheiro, e presidente da Federasul, Simone Leite. – Foto: Guilherme Artigas

Sérgio Moro destacou o papel do setor privado no combate à corrupção e disse que o trabalho deve ser feito independentemente da iniciativa do poder público. “É importante que a ação dos empresários seja coletiva no sentido de fazer com que empresas que pagam propina não recebam vantagens competitivas”. E incentivou as entidades do setor produtivo a atuarem no resgate de valores porque, segundo ele, o que muda o país são as instituições mais fortes.

O presidente da Faciap, Guido Bresolin Junior, reafirmou os pontos defendidos pela federação por meio do Movimento Brasil Mostra Sua Garra, que são responsabilidade fiscal e econômica do poder público, transparência como arma contra a corrupção, a justiça, cujas demandas não devem agir em favor de interesses particulares, a ética nas relações sociais e o respeito aos cidadãos brasileiros. “O setor produtivo quer contribuir para uma sociedade mais justa. O que passa, também, por uma máquina pública mais enxuta e mais competitividade nas cadeias produtivas”, disse Guido Bresolin Junior.

Guido Bresolin Junior entregou uma placa, ao final da palestra, ao juiz Sérgio Moro em homenagem ao trabalho feito por ele na Operação Lava Jato.

Fonte: FACIAP

Tags

Deixe seu comentário

Imprensa CACB - Jornalistas Responsáveis

  • Erick Arruda
    erick.arruda@cacb.org.br
  • E-mail geral da imprensa: imprensa@cacb.org.br
    Contato: (61) 3321 1311