1. Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil

  2. 27
Home / Notícias / CONSELHO DELIBERATIVO

CACB encerra o ano e avalia seu desempenho em 2018

Reunião do Conselho Deliberativo da CACB, em Florianópolis, reuniu 18 presidentes de federações, mais os presidentes da Conaje e do Conselho Nacional da Mulher Empresária

12 de dezembro de 2018 - 16:26

Numa tarde de sol, quase verão em Florianópolis, no terceiro andar do novo prédio da sede da Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc), a CACB iniciou sua quarta reunião do Conselho Deliberativo nesta quarta-feira (12). Dezoito presidentes de Federações presentes participaram, pela manhã, da inauguração da nova sede que formaliza a primeira parceria entre duas entidades: Facisc e Acats (Associação Catarinense de Supermercados) que, juntas, construíram a sede de quatro andares e outros três de estacionamento, totalmente sustentável.

Ao falar sobre a recondução ao cargo de presidente de entidade, Simone Leite, da Federasul (RS), informou sua intenção de participar mais ativamente da CACB nos próximos dois anos. Já Guido Bresolin Junior (PR), que está de saída da Diretoria da Federação do Paraná, disse, ao se despedir, que estará presente na CACB, mesmo estando fora da Diretoria.

O presidente da Federaminas, Emilio Parolini (MG), apresentou a nova presidente do Conselho Nacional da Mulher Empresária (CNME), Tania Mara Rezende. O presidente da Federação de Goiás, Ubiratan Silva Lopes (GO), disse que já está na Prefeitura de Goiânia, para ser aprovado, o projeto de construção da nova sede da Facieg. “Vamos também, como aconteceu com a Facisc, ter nossa sede própria”, disse.

Jonas Alves, presidente da Facmat (MT), e também diretor financeiro da CACB, lembrou da importância de se aproveitar o desconto de 15% até fevereiro para as inscrições no 11º Congresso Mundial de Câmaras (WCC), da International Chamber of Commerce (ICC), que será realizado pela primeira vez na América do Sul, em junho de 2019. “Vamos sediar o maior encontro do nosso setor, o maior evento mundial, no Rio de Janeiro, e não há inscrições”, esclareceu.

Também o vice-presidente de Assuntos Internacionais da CACB, Sérgio Papini (AL), reforçou a necessidade de buscar, nos estados, patrocínio para o encontro mundial da ICC. “Ousamos em brigar para sermos a sede de um evento que equivale a R$ 7 milhões. Precisamos mostrar ao novo governo a força do nosso sistema. Vamos buscar a relevância de nosso setor”, enfatizou.

A nova composição da Diretoria da CACB, renovada agora com a reeleição do presidente George Pinheiro, foi também detalhada na 4ª reunião do Conselho Deliberativo da CACB. Para encerrar a primeira pauta da reunião, o 1º vice-presidente da entidade, Jésus Mendes Costa (RJ), enfatizou a importância da participação dos empresários na comunidade.

O novo presidente da Conaje, Marcelo Quelho Filho, lembrou que vem tentando buscar recursos financeiros para a entidade e se colocou à disposição dos presidentes de Federação. Disse que em Santa Catarina existem 70 grupos de jovens atuando dentro da Federação e lembrou da importância da parceria com os mais antigos para alcançar resultados. A Conaje, que tem sede dentro da CACB, em Brasília, entregou ao presidente George uma placa de reconhecimento na formação de lideranças empresariais.

Depois de agradecer a atual presidente do CNME, Neiva Kieling, o presidente da CACB lembrou o processo de sucessão dentro do Conselho, que teve duas chapas (indicações de SC e de MG). Venceu a mineira.  Ao se despedir, Neiva falou sobre a importância da renovação e da participação da mulher no Conselho. Agradeceu aos que contribuíram com a causa do empreendedorismo feminino e fez um balanço das conquistas do Conselho “atingimos 4260 mulheres empresárias envolvidas na rede atividades, em 242 municípios, distribuídos em 13 estados”, disse.

A nova presidente do CNME, Tania Mara Rezende, falou que está no sistema associativista há mais de 10 anos e lembrou as conquistas na sua participação no Conselho Estadual da Mulher Empresária dizendo que seu trabalho será continuar o que Neiva Kieling já realizou e contribuiu.

Resultados apurados

Na segunda parte da 4ª Reunião do Conselho Deliberativo da CACB, a pauta focou nos trabalhos dos projetos da CACB. O primeiro a falar foi o coordenador do Empreender, Carlos Rezende. Ele falou sobre o Empreender Competitivo, hoje com 50 projetos e com uma meta de chegar aos 60. Disse que a burocracia aumenta cada vez mais e citou alguns exemplos.

Mostrou o andamento do Al-Invest 5.0 e enfatizou que o Empreender precisa ser mais incrementado. O vice-presidente da Micro e Pequena Empresa da CACB, Luiz Carlos Furtado, lembrou da renovação dos projetos, explicando que muitos deles não estão bem apresentados e, por essa razão, os recursos serão devolvidos.

A reunião encerrou com o próximo encontro agendado para março de 2019, em Belém do Pará, em comemoração aos 200 anos da Associação Comercial do Pará.

Tags

Deixe seu comentário

Imprensa CACB - Jornalistas Responsáveis

  • Erick Arruda
    erick.arruda@cacb.org.br
  • E-mail geral da imprensa: imprensa@cacb.org.br
    Contato: (61) 3321 1311