1. Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil

  2. 27
Home / Notícias / CDES

Conselhão contribui para o desenvolvimento de políticas públicas

A secretária Patrícia Audi informou que o CDES é a ponte entre governo e sociedade

21 de junho de 2018 - 15:52

O Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES) da Presidência da República, conhecido como Conselhão, foi tema de uma das palestras desta quinta-feira (21), durante o 5º Fórum Nacional CACB Mil, em Brasília.  A secretária do Conselho, Patrícia Audi, explanou sobre como os representantes da sociedade civil estão contribuindo para a gestão do executivo brasileiro.

Foto: Raphael Gallo

Segundo ela, o Conselhão existe há 15 anos e foi criado a partir de um conceito de que deveria haver diálogo social para participação das políticas públicas, a partir da redemocratização do País. “A Constituição de 88, inclusive, incorpora a participação social de políticas públicas. Mas ainda nos anos 80, haviam poucos conselhos. Nesse meio tempo, houve fortalecimento de associações e representações empresariais e novas organizações da sociedade surgiram com força”.

O Conselhão foi criado em 2003, pelo ex-presidente Lula, com o objetivo de fortalecer a relação entre governo e empresários. Perdeu força no governo da presidente Dilma Rousseff e foi reativado em 2016, por Michel Temer, “num momento em que o País realmente precisava mais do que nunca, e ainda precisa muito, de diálogo”, reforçou Patrícia.

Em novembro de 2016, a composição do CDES foi alterada em 70% em relação aos integrantes, ficando muito mais participativo. As mulheres tiveram um aumento de 90% e temas como empreendedorismo, inovação, defesa de direitos, segurança e saúde, entre outros, passaram a ser discutidos.

“Assim iniciamos o trabalho do Conselho, exclusivamente da sociedade civil. Retiramos da composição o governo, diversificamos os temas e convidamos pessoas a partir de critérios técnicos para ter um debate efetivo sobre desenvolvimento econômico e social do país”, explicou a secretária.

O Conselhão representa grande parte do PIB e tem os segmentos mais dinâmicos da sociedade em sua composição, com uma gama de interesses sociais sendo debatidos. “Nosso desafio é fazer com que o diálogo seja sempre através da construção de consensos”, concluiu Patrícia Audi

Tags

Deixe seu comentário

Imprensa CACB - Jornalistas Responsáveis

  • Erick Arruda
    erick.arruda@cacb.org.br
  • E-mail geral da imprensa: imprensa@cacb.org.br
    Contato: (61) 3321 1311