Imprensa

Notícias

BENEFÍCIO

Governo do Paraná sanciona auxílio emergencial para 124 mil microempresas

Nesta semana semana, serão definidos os critérios para quais CNAEs (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) terão acesso ao benefício e como será efetuado o pagamento

1 de junho de 2021 às 12:25 Compartilhe

Foto: Reprodução

O Governo do Paraná sancionou nesta quarta-feira, 26, projeto de lei que estabelece auxílio emergencial para 124.960 microempreendedores individuais e microempresas do estado.

O valor total destinado para essas empresas recebeu 35% de incremento do Governo do Paraná em relação ao projeto aprovado pela Assembleia Legislativa do Paraná, saltando de R$ 59,6 milhões para R$ 80,28 milhões.

Dessa forma, também foi possível ampliar o número de microempreendedores individuais e microempresas beneficiadas, que saltaram de 86.700 para 124.960 empresas.

Nesta próxima semana, serão definidos os critérios para quais CNAEs (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) terão acesso ao benefício e como será efetuado o pagamento.

“Estamos fazendo de tudo para manter a economia do Paraná aquecida, sem esquecer, é claro, da grave crise sanitária. Esse pacote é uma forma de amenizar o impacto das medidas restritivas para setores que são muito importantes para o estado e que geram muitos empregos”, explicou o governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD).

As microempresas registradas nos segmentos de comércio varejista de vestuário, calçados e acessórios; transporte rodoviário, escolar e de excursões; restaurantes, bares, lanchonetes, ambulantes e similares; casas de festas e eventos e serviços de organização de feiras e congressos; atividades de sonorização e iluminação poderão receber o benefício.

Serão pagos para essas empresas R$ 1000, divididos em quatro parcelas de R$ 250, desde que seja comprovado por essas firmas faturamento ou declaração no PGDAS-D no valor de até R$ 360 mil durante o ano de 2020.

Segundo estimativas da Secretaria de Estado da Fazenda, devem ser beneficiadas 40.638 microempresas em todo o Paraná.

Já os microempreendedores individuais dos setores de restaurantes, bares, lanchonetes, ambulantes e similares; casas de festas e eventos e serviços de organização de feiras e congressos; filmagens de festas e eventos, atividades de sonorização e iluminação; gestão de instalação de esportes, aluguel de equipamentos recreativos e esportivos e produção e promoção de eventos esportivos; operadores turísticos e agências de viagem; produção teatral, musical e de espetáculos de dança irão receber R$ 500 pagos em duas parcelas de R$ 250.

Ao todo, 84.322 microempreendedores individuais irão dividir R$ 42,16 milhões desse benefício, de acordo com a Secretaria de Estado da Fazenda.

Além do auxílio emergencial, a lei também prorrogou por 120 dias a validade das Certidões Negativas de Débitos Tributários e de Dívida Ativa Estadual e das Certidões Positivas com Efeitos de Negativa de Regularidade de Débitos Tributários e de Dívida Ativa Estadual.

Fonte: Paraná Portal

Conhecimento e informação nos conecta

Compartilhamos conteúdo do seu interesse

  •  

Buscar

Compartilhe

Governo do Paraná sanciona auxílio emergencial para 124 mil microempresas

Federações

Entidades por estado: