1. Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil

  2. 27
Login
Redes Sociais
Portal Empreender
Empreender
Home / Empreender /

RS: Luiza Colombo Dutra assume presidência da Microempa

A Associação das Empresas de Pequeno Porte da Região Nordeste do Rio Grande do Sul (Microempa) passa a contar com nova diretoria em 2019

31 de janeiro de 2019 - 16:40

A Associação das Empresas de Pequeno Porte da Região Nordeste do Rio Grande do Sul (Microempa) passa a contar com nova diretoria em 2019. Eleita por unanimidade pelo Colégio Eleitoral da entidade, a nova presidente é a empresária Luiza Colombo Dutra, que vai atuar ao lado de empresários de micro e pequenas empresas (MPEs) que compõem a diretoria.

Sócia-proprietária das empresas Active Comunicação, Armazém Paper e Canecas & Afins, é formada em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Caxias do Sul (UCS), com especialização em Gestão Empresarial pela Universidade de Brasília (UnB). Antes de empreender, Luiza atuou em empresas como Marcopolo, Randon, Kibon e San Martin. Foi uma das fundadoras e se dedicou como voluntária da Associação Criança Feliz (ACF). Também participou da diretoria da Fundação Caxias. É a terceira presidente mulher da Microempa e faz parte da diretoria desde 2013: “Tenho muito orgulho da entidade em que me fortaleci como empreendedora e agradeço a confiança de ser protagonista desta gestão. Hoje, muitas mulheres estão à frente das micro e pequenas empresas e contribuem de forma significativa para o mundo dos negócios. Temos no sangue o associativismo e a coragem que, em muitas vezes, faz a diferença para empreender”, destaca a nova presidente.

No atual momento, em que o sistema CACB investe em projetos de vários conselhos de Mulheres Empresárias e se compromete com metas de empoderamento feminino, a presidente destaca a importância da participação empresarial feminina na Microempa: “A atuação das mulheres no mundo dos negócios é essencial graças à habilidade feminina de conectar e reunir pessoas em torno de um objetivo em comum. A nossa representatividade se amplia nessa gestão em espaços que nos dedicamos para ocupar com muito trabalho e seriedade. Somos cinco mulheres e sete homens, na diretoria executiva, unidos pelo mesmo propósito, que é incentivar a igualdade sempre tendo como norte o associativismo e o cooperativismo. Ao conquistar um espaço para incentivar o empreendedorismo feminino, nos envolvemos em tornar possível o acesso a oportunidades de crescimento, aprendizado e também para encorajar novas iniciativas. O nosso grupo setorial de Empreendedoras e as demais mulheres que fazem parte de todos os grupos setoriais da entidade têm sido um exemplo de ousadia e união, predicados que nos impulsionam cada vez mais a propor alternativas de desenvolvimento e aprendizado às participantes. Como mulheres, muitas de nós revezam-se entre a atividade pessoal e profissional com a certeza de que nossos méritos sejam reconhecidos pela sociedade como um todo. Na Microempa procuramos valorizar o trabalho feito por todos, homens e mulheres que se reúnem em nossos grupos setoriais e em outras ações promovidas pela entidade, trabalhamos a igualdade e respeito ao outro, com a finalidade de unir pessoas e transformar negócios”.

Ela explica que a Microempa pretende colocar a cultura do associativismo em prática nesse nova gestão investindo em estratégias que pretendem valorizar e contribuir para o desenvolvimento das empresas que acreditam na Associação como incentivadora e articuladora dos pequenos negócios: “A Microempa vivencia a cultura do associativismo no dia a dia em cada uma das ações em que se dedica para motivar o crescimento dos empresários de MPEs e empreendedores individuais. A nova diretoria compartilha do mesmo ideal que vem sendo cultivado desde a fundação da entidade e seguirá atuando para incentivar ações colaborativas por meio de atitudes de cooperação focadas no bem comum e no fortalecimento dos setores que estão envolvidos nos grupos setoriais sempre respeitando o contexto econômico local e a observando a região em que está inserida para atuar de modo assertivo. As palavras associativismo e cooperativismo fazem parte da história da Microempa e revelam a nossa mais verdadeira essência, que será celebrada neste ano ao recordar essa caminhada dos 35 anos”.

 

Nova gestão

A equipe que está à frente da Microempa se compromete em buscar iniciativas que contribuam para que as MPEs e MEIs se fortaleçam no mercado, buscando soluções, parcerias e capacitações, defendendo as pautas dos pequenos negócios nas esferas municipal, estadual e federal. “Iniciamos 2019 alinhados para colocar o planejamento estratégico da entidade em prática. Vamos dar sequência às ações que estão em andamento e, ao mesmo tempo, estamos planejando e pensando no futuro da entidade em conjunto com a diretoria e conselhos”, afirma Luiza. Ela ressalta que ampliar os grupos setoriais, fortalecer os projetos existentes e pesquisar novas oportunidade que favoreçam os associados também são planos para essa gestão. Confira os nomes que integram a equipe:

Luiza Colombo Dutra: Presidente
Luiz Carlos Tonet: Vice-Presidente
Jovenil Vitt Lima: Vice-Presidente de Finanças
Tiago Fernando de Azevedo: Vice-Presidente de Patrimônio
Simone Julianote: Diretora 1ª Secretária
Nivea Comparini: Diretora 2ª Secretária
Cláudia Mara Pontel: Diretora 1ª Suplente
Guilherme Fernando Pereira: Diretor 2º Suplente
Pedro Celso Dal Moro: Diretor de Indústria
Tiarlis Silveira Gonçalves: Diretor de Comércio
Vinicius Valer: Diretor de Serviços
Ilsa Loivamara da Silva Andrade: Diretora de Inovação

Fonte: Microempa

Tags

Deixe seu comentário

Assessoria de Comunicação do Empreender/AL-Invest 5.0

  • Katiuscia Sotomayor
    katiuscia.sotomayor@cacb.org.br

    Joana de Albuquerque Pae
    joana.albuquerque@cacb.org.br

  • Bernardo Fonseca
    bernardo.fonseca@cacb.org.br
O Empreender é um programa da CACB, em parceria com o SEBRAE, que visa o fortalecimento da micro e pequena empresa ao reunir empresários de um mesmo município nos chamados núcleos setoriais. Neles, os empresários discutem seus problemas e buscam soluções conjuntas com apoio de um profissional vinculado à entidade empresarial.