1. Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil

  2. 27
Login
Redes Sociais
Portal Empreender
Empreender
Home / Empreender /

MG: Cinco estratégias de liderança para ter mais resultados no seu negócio

Artigo: cinco estratégias de liderança para ter mais resultados no seu negócio

27 de fevereiro de 2019 - 10:42

Artigo: cinco estratégias de liderança para ter mais resultados no seu negócio

Rafael Recidive

Neste artigo, vou mostrar algumas estratégias de liderança que podem melhorar a gestão da sua equipe e os resultados do seu negócio. Há alguns dias, recebi um chamado de um cliente, dono de uma loja de varejo na área central da cidade, ele estava buscando orientação porque vinha enfrentando problemas com seus funcionários, a maioria deles relacionados à desmotivação no trabalho, reclamações constantes e isso estava refletindo nas vendas do negócio.

A questão era delicada porque no caso dele eram apenas 8 funcionários e quase todos trabalhavam na linha de frente fazendo vendas para os clientes que entravam na loja. Isso significa que eram os representantes da empresa perante o cliente. Como estavam insatisfeitos no trabalho, acabavam afastando pessoas da loja porque prestavam um mau atendimento.

Como eu estava ali para ajudá-lo a encontrar uma solução, utilizei com ele as mesmas estratégias que pretendo mostrar aqui, e que podem trazer bons resultados na liderança e na gestão das relações no trabalho (e na vida pessoal, também).

Quanto mais ele falava, mais eu ouvia atentamente e quando ficava mudo esperando que eu dissesse algo, eu apenas dizia: “fala mais…”. Ele logo vinha com mais um monte de histórias para contar. Depois que ele falou muito sobre vários funcionários, perguntei: “e como você reage diante da situação? Como você faz (ou tenta fazer) com que as pessoas façam o que precisa ser feito? Quando não acontece nada de “errado”, o que você faz?”.

Quando ele me relatou a forma como estava lidando com a situação, eu comecei a entender. Ele passava o dia dando ordens aos funcionários, desde a primeira hora do dia, e só lembrava de reconhecer os resultados abaixo do esperado.

Qual o resultado disso? Cada vez mais os funcionários se distanciavam e ficavam mais insatisfeitos no trabalho. Ele precisou de mim para perceber que se continuasse agindo dessa forma as coisas só iam piorar.

Nem sempre é fácil enxergar o que acontece de fato quando a pessoa está dentro da operação de um negócio. É preciso olhar de fora. Imagine que você é um terceiro e que está vendo o que acontece sem se associar aos acontecimentos, essa visão por si ajuda muito na solução desse tipo de conflito. Por isso quando me chamou para falar sobre o assunto e eu cheguei com um olhar de fora, imparcial, consegui fazê-lo enxergar várias coisas que ele não via.

Então segui fazendo perguntas e levando o cliente a concluir que poderia mudar a situação se adotasse 5 medidas:

1- Assumir a responsabilidade: o primeiro passo foi entender que o problema não estava na equipe, e sim na liderança. Essa parte foi difícil porque o empresário relutava em aceitar que ele era o principal responsável pelo que estava acontecendo.

2- Parar de criticar ou de condenar as pessoas: este é um procedimento básico de qualquer relacionamento. Se você quer conquistar uma pessoa, jamais a critique. Se for para julgar, julgue o comportamento e sempre de forma privada. Exemplo: “fulano, este comportamento não foi adequado por esse ou aquele motivo, mas eu quero que você saiba que eu confio em você por esse e por aquele motivo. Você é bom nisso…” Feedbacks negativos são para os comportamentos, feedbacks positivos para a pessoa (você é).

3- Validar/Elogiar as pessoas: todo mundo tem algo que merece ser elogiado. Estudos mostram que o maior desejo do ser humano é o “desejo de ser importante”. As pessoas querem ser reconhecidas, notadas. Tudo o que reforçamos nos outros, temos mais.

4- Criar regras claras: os funcionários da loja não sabiam o que era esperado deles em cada dia e nem o que poderiam ganhar de recompensa caso atingissem o que era esperado. O empresário percebeu que houve falha desde a contratação. Se as regras são claras desde o início, fica mais fácil porque o funcionário já começa o trabalho sabendo o que vem pela frente.

5- Deixar as pessoas falarem: essa é uma técnica infalível. As pessoas querem falar sobre elas, querem ter alguém que as escutem. A ideia então é fazer a pessoa se tornar parte do negócio. Ao invés de falar o que e como fazer as coisas, mostre o objetivo e peça que a outra pessoa diga como pode ajudar a alcançá-lo. Ela poderá dizer exatamente o que você esperava ou o que você diria, só que agora é bem diferente: como ela disse, ela estará muito mais comprometida com o resultado.

Quer saber mais?

Existem inúmeros livros sobre o assunto, mas eu vou citar aqui o que para mim é leitura obrigatória: Como fazer amigos e influenciar pessoas, de Dale Carnegie.

Caso queira falar comigo é só enviar uma mensagem para 34-99819-0250

Afetuoso abraço,

 

Rafael Recidive – Núcleo de Gestão de Pessoas, do Empreender na Aciub.

Tags

Deixe seu comentário

Assessoria de Comunicação do Empreender/AL-Invest 5.0

  • Katiuscia Sotomayor
    katiuscia.sotomayor@cacb.org.br

    Joana de Albuquerque Pae
    joana.albuquerque@cacb.org.br

  • Bernardo Fonseca
    bernardo.fonseca@cacb.org.br
O Empreender é um programa da CACB, em parceria com o SEBRAE, que visa o fortalecimento da micro e pequena empresa ao reunir empresários de um mesmo município nos chamados núcleos setoriais. Neles, os empresários discutem seus problemas e buscam soluções conjuntas com apoio de um profissional vinculado à entidade empresarial.