CACB

  1. Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil

  2. 27

Empreender

Portal Empreender
Empreender
Home / Empreender /

ACIJ Joinville comemora 30 anos dos Núcleos Empresariais no Brasil

O coordenador executivo da CACB, Carlos Rezende, entregou uma placa de reconhecimento à ACIJ por seu protagonismo na metodologia que hoje é aplicada no Brasil inteiro por meio do Programa Empreender

23 de novembro de 2021 - 16:08

O empresário José Henrique Carneiro de Loyola recebeu nesta segunda-feira, dia 22 de novembro, homenagem especial da ACIJ pela passagem dos 30 anos de criação dos Núcleos Empresariais no Brasil. A homenagem ocorreu durante a última edição da Reunião do Conselho da entidade neste ano.

Loyola, que é sócio-benemérito da ACIJ, foi o grande incentivador do projeto desde o primeiro momento e responsável pela implantação do convênio com a Câmara de Artes e Ofícios de Munique e Alta Baviera, na Alemanha, em sua gestão à frente da entidade. No início, o projeto tinha por objetivo fortalecer as pequenas empresas e preparar as associações também para a prestação de serviços, com uma gestão mais profissional.

De lá para cá, milhares de empresários de pequenas empresas receberam capacitação e puderam aprimorar seus negócios. Além disso, foi o ponto de partida para a renovação do modelo das associações, alavancando a representatividade delas nos anos que se seguiram.

Em seu pronunciamento, o homenageado lembrou que em 1990 aproveitou uma viagem à Alemanha – para participar da Heimtextil, uma feira têxtil alemã – para conhecer um pouco mais das instituições estavam propondo acordo de cooperação com associações empresariais catarinenses, entre elas a Câmara de Artes e Ofícios de Munique e Alta Baviera (HWK), que tinha na época 52 mil associados e uma rede de suporte às empresas de pequeno porte.

Para Loyola, ficou claro que o objetivo dos convênios com as associações empresariais era fortalecer o associativismo e, com isso, promover o desenvolvimento das empresas, fornecendo conhecimento e capacitando pessoas para serem multiplicadoras das metodologias.

O convênio foi firmado e, em 1991, chegava na ACIJ o consultor alemão Rainer Müller-Glode, da HWK, para começar a desenhar o projeto na prática.

NOITE ESPECIAL

O presidente Marco Antonio Corsini e os ex-presidentes Udo Döhler, Moacir Thomazi, Nivaldo Nass, Ninfo König e Moacir Bogo fizeram a entrega da Medalha de Honra ao Mérito a José Henrique Carneiro de Loyola pela visão e pioneirismo na criação dos núcleos.

“Este é um reconhecimento a um valor que o empresário José Henrique Carneiro de Loyola carrega em seu DNA, um valor espiritual inabalável, que é o olhar para as pessoas que precisam”, destacou o empresário Udo Döhler, que falou em nome dos ex-presidentes que participaram da homenagem.

“Esta é uma noite muito especial. Além da honra de receber esta homenagem, tive a oportunidade e a alegria de lembrar e reviver todos os acontecimentos que resultaram na criação dos Núcleos Empresariais, que trouxeram tantos bons resultados para as pessoas e para as empresas”, resumiu o pioneiro José Henrique Carneiro de Loyola.

“Quase todos sabem que a ACIJ conta hoje com 25 Núcleos Empresariais. O que nem todo mundo sabe é que nestes 25 núcleos há 988 participantes que representam 721 das quase 1.700 empresas associadas à ACIJ. Estes números reforçam a relevância do sonho, da visão e da ação concreta do pioneiro José Henrique Carneiro de Loyola”, destacou o presidente da ACIJ, Marco Antonio Corsini.

RECONHECIMENTO

Durante a celebração dos 30 anos de criação dos Núcleos Empresariais, a ACIJ também homenageou entidades relevantes para a consolidação do processo no Brasil: a Fundação Empreender, a Fundação das Associações Empresariais de Santa Catarina (FACISC), o SEBRAE, a Confederação das Associações Empresariais do Brasil (CACB), a HWK e as Associações Empresariais de Brusque e de Blumenau.

O empresário José Henrique Carneiro de Loyola recebeu nesta segunda-feira, dia 22 de novembro, homenagem especial da ACIJ pela passagem dos 30 anos de criação dos Núcleos Empresariais no Brasil. A homenagem ocorreu durante a última edição da Reunião do Conselho da entidade neste ano.

Loyola, que é sócio-benemérito da ACIJ, foi o grande incentivador do projeto desde o primeiro momento e responsável pela implantação do convênio com a Câmara de Artes e Ofícios de Munique e Alta Baviera, na Alemanha, em sua gestão à frente da entidade. No início, o projeto tinha por objetivo fortalecer as pequenas empresas e preparar as associações também para a prestação de serviços, com uma gestão mais profissional.

De lá para cá, milhares de empresários de pequenas empresas receberam capacitação e puderam aprimorar seus negócios. Além disso, foi o ponto de partida para a renovação do modelo das associações, alavancando a representatividade delas nos anos que se seguiram.

Em seu pronunciamento, o homenageado lembrou que em 1990 aproveitou uma viagem à Alemanha – para participar da Heimtextil, uma feira têxtil alemã – para conhecer um pouco mais das instituições estavam propondo acordo de cooperação com associações empresariais catarinenses, entre elas a Câmara de Artes e Ofícios de Munique e Alta Baviera (HWK), que tinha na época 52 mil associados e uma rede de suporte às empresas de pequeno porte.

Para Loyola, ficou claro que o objetivo dos convênios com as associações empresariais era fortalecer o associativismo e, com isso, promover o desenvolvimento das empresas, fornecendo conhecimento e capacitando pessoas para serem multiplicadoras das metodologias.

O convênio foi firmado e, em 1991, chegava na ACIJ o consultor alemão Rainer Müller-Glode, da HWK, para começar a desenhar o projeto na prática.

NOITE ESPECIAL

O presidente Marco Antonio Corsini e os ex-presidentes Udo Döhler, Moacir Thomazi, Nivaldo Nass, Ninfo König e Moacir Bogo fizeram a entrega da Medalha de Honra ao Mérito a José Henrique Carneiro de Loyola pela visão e pioneirismo na criação dos núcleos.

“Este é um reconhecimento a um valor que o empresário José Henrique Carneiro de Loyola carrega em seu DNA, um valor espiritual inabalável, que é o olhar para as pessoas que precisam”, destacou o empresário Udo Döhler, que falou em nome dos ex-presidentes que participaram da homenagem.

“Esta é uma noite muito especial. Além da honra de receber esta homenagem, tive a oportunidade e a alegria de lembrar e reviver todos os acontecimentos que resultaram na criação dos Núcleos Empresariais, que trouxeram tantos bons resultados para as pessoas e para as empresas”, resumiu o pioneiro José Henrique Carneiro de Loyola.

“Quase todos sabem que a ACIJ conta hoje com 25 Núcleos Empresariais. O que nem todo mundo sabe é que nestes 25 núcleos há 988 participantes que representam 721 das quase 1.700 empresas associadas à ACIJ. Estes números reforçam a relevância do sonho, da visão e da ação concreta do pioneiro José Henrique Carneiro de Loyola”, destacou o presidente da ACIJ, Marco Antonio Corsini.

RECONHECIMENTO

Durante a celebração dos 30 anos de criação dos Núcleos Empresariais, a ACIJ também homenageou entidades relevantes para a consolidação do processo no Brasil: a Fundação Empreender, a Fundação das Associações Empresariais de Santa Catarina (FACISC), o SEBRAE, a Confederação das Associações Empresariais do Brasil (CACB), a HWK e as Associações Empresariais de Brusque e de Blumenau.

A CACB, por meio do coordenador executivo Carlos Alberto de Rezende, entregou uma placa de reconhecimento à ACIJ por seu protagonismo na criação dos Núcleos Empresariais no Brasil.

Fonte: ACIJ Joinville

Tags

Deixe seu comentário

Assessoria de Comunicação do Empreender/AL-Invest 5.0

  • Katiuscia Sotomayor
    katiuscia.sotomayor@cacb.org.br

    Joana de Albuquerque Pae
    joana.albuquerque@cacb.org.br

  • Bernardo Fonseca
    bernardo.fonseca@cacb.org.br
O Empreender é um programa da CACB, em parceria com o SEBRAE, que visa o fortalecimento da micro e pequena empresa ao reunir empresários de um mesmo município nos chamados núcleos setoriais. Neles, os empresários discutem seus problemas e buscam soluções conjuntas com apoio de um profissional vinculado à entidade empresarial.